A importância da inteligência emocional para a liderança

Share

por Ronaldo Lundgren.

A importância de inteligência emocional para a liderança

O livro Inteligência Emocional, de Daniel Goleman, chamou a atenção de muita gente aqui no Brasil. Pesquisas científicas demonstraram que o Quociente Emocional (QE) é tão importante quanto o Quociente de Inteligência (QI). Em algumas situações, até mais.

A inteligência emocional é a capacidade de identificar os nossos próprios sentimentos e os dos outros, de nos motivarmos e de gerir bem as emoções dentro de nós e nos nossos relacionamentos. (Goleman, 1998)

Inteligencia Emocional

Em seu ambiente de trabalho, você não está sozinho. Constantemente, é necessário relacionar-se com os colegas. Seja por assuntos de serviço. Seja por problemas pessoais que não ficaram em casa, a interação de uma pessoa com outra ou com o grupo é uma realidade. Você, como líder, não pode deixar de ficar atento a esse ponto.

Pessoas com qualidades de relacionamento humano, como afabilidade, compreensão e gentileza têm mais chances de obter o sucesso. Para a pessoa do líder, essas qualidades são monitoradas de perto pelos demais funcionários.

Pesquisas mostram que a maturidade emocional do líder – particularmente demonstradas pelo auto-conhecimento e pela empatia – tem uma relação direta com a performance financeira da empresa. O estado de espírito do líder contagia toda a equipe. Para cima ou para baixo.

O estado de espírito do líder, bem como seu comportamento, são tão importantes para o resultado da empresa, que a sua principal tarefa é pautar suas ações apoiadas na liderança emocional. Quando falo de principal tarefa, estou me referindo a isso mesmo: principal tarefa. Mais importante do que elaborar estratégias, orçamentos, contratar ou dispensar pessoal.

Responda com sinceridade

Para ajudar o líder a refletir e se programar, alguns autores sugerem 5 perguntas que devem ser respondidas com sinceridade:

  1. quem eu quero ser?;
  2. quem eu sou agora?;
  3. como eu progrido de onde eu estou para onde eu quero chegar?;
  4. como eu faço para consolidar as mudanças que vão acontecer?; e
  5. quem pode me ajudar?

Lembre-se que liderança é a capacidade de influenciar pessoas a atingirem o objetivo comum a todos. Você estando bem, todos ficam bem. A empresa e cada um de vocês só têm a ganhar.

Que tal…

Compartilhar este artigo. Você estará ajudando outras pessoas. Sua inteligência emocional estará agindo.

Por Ronaldo Lundgren

Possui graduação pela Academia Militar das Agulhas Negras; é Mestre em Estudos Estratégicos pelo US Army War College; e Doutor em Ciências Militares pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército.

Deixe uma resposta