Olhar pra frente mas sem esquecer do passado

Share

Olhar pra frente mas sem esquecer do passado

Olhar pra frente mas sem esquecer do passado

Esperamos um melhor 2021, mas os anos passados nos ajudaram a crescer.

por Ronaldo Lundgren.

Final do ano se aproxima. Ano complicado. Para o mundo todo e todo mundo. É momento de renovar os planos. Isto ajuda a restabelecer a esperança, a força e a coragem para prosseguirmos na caminhada.

Deve-se olhar pra frente tendo o cuidado de não esquecer o passado.

É este passado que reforça as crenças e os valores que cada um de nós cultua. As mudanças que precisam ser feitas para conquistar os objetivos futuros se baseiam nessa história já vivida.

Quando se analisa o ano que finda, é possível agrupar as principais coisas que aconteceram em nossas vidas em 3 grupos de acontecimentos:

  1. Perdas;
  2. Realizações; e
  3. O que melhorar.

Se, em 2020, você teve

  • parentes próximos que venceram a Covid-19;
  • outros que perderam a batalha;
  • demissão do emprego ao qual tanto se dedicava;
  • afetada sua estabilidade emocional por conta do afastamento social ou das intrigas políticas;
  • trabalho no estilo “home office”, que lhe forçou uma convivência intensa em casa; e/ou
  • oportunidades que se abriram e você agarrou pelo menos uma delas.

É momento de reavaliar suas crenças a partir de como você reagiu a cada um desses principais acontecimentos.

Segundo o Instituto Brasileiro de Coaching, as crenças consistem em 3 tipos:

  • crenças sobre identidade;
  • crenças sobre capacidade; e
  • crenças sobre merecimento.

Se houve uma perda, em que você se apoiou para buscar forças e prosseguir na jornada? Em que você acreditou? Foi em Deus, nos laços familiares, em amigos, em sua própria capacidade?

E no caso de suas realizações? Quais suas crenças nesses momentos de conquista? Foi em você mesmo, nos companheiros que ajudaram, na sorte que teve, em Deus?

As suas crenças

Crenças são os pensamentos (geralmente inconscientes), embebidos em sentimentos, que temos sobre a realidade. E estes pensamentos podem ser limitantes ou empoderadores.

Após listar suas crenças para cada acontecimento importante de sua vida em 2020, procure identificar onde você foi mais forte e onde foi mais fraco. Onde pode melhorar?

Será que você deixou de considerar alguma de suas crenças que poderiam lhe ajudar?

Liste suas crenças. Medite sobre cada uma delas.

Agora, comece a olhar pra frente. Para 2021. Quais serão seus objetivos? Definir os objetivos a partir daquilo que você acredita é fundamental para alcançá-los.

Fred Graef afirma que

“as nossas crenças são os maiores limitadores para atingirmos o que desejamos. […] tudo o que desejamos ser, fazer ou ter na vida, e ainda não somos, não fazemos ou não temos, é por causa de nossas crenças”. 

Olhar pra frente

Com suas crenças entendidas, planeje seus desejos para 2021. Você terá mais chance de atingir cada um dos objetivos traçados. Nos momentos difíceis, aparecerá uma força interior que você nem sabia que tinha. São suas crenças lhe apoiando.

Feliz ano novo.

Referência(s)

Instituto Brasileiro de Coaching.

Fred Graef.

Autor: Ronaldo Lundgren

Possui graduação pela Academia Militar das Agulhas Negras; é Mestre em Estudos Estratégicos pelo US Army War College; e Doutor em Ciências Militares pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército.

Deixe uma resposta