10 questões para saber se você é um bom comunicador

Share

10 questões para saber se você é um bom comunicador

você é um bom comunicador

Saber se comunicar é requisito para uma grande parte dos postos de trabalho.
Por comunicar, entende-se:
  • falar bem em público;
  • escrever bem (e-mail, redes sociais, aplicativos); e
  • escutar bem.

Como você sabe se é um bom comunicador?

A revista eletrônica The Muse publicou um artigo sobre o assunto, destacando algumas perguntas que lhe ajudarão a obter a resposta.

Você tem uma mensagem?

As pessoas são bombardeadas com informações o dia todo. Todos os dias. Tenha certeza de que você sabe o que quer comunicar. Pode ser qualquer coisa, mas lembre:

se você não consegue resumir sua mensagem em uma única frase, você não está sendo claro.

Você usa estórias?

Estórias é uma boa maneira para se conectar com as pessoas emocionalmente. Elas o tornam inesquecível. Procure uma estória que reforce a sua mensagem.

Usa números?

Se contar uma estória não for adequado para a mensagem que você quer transmitir, considere usar dados. É uma forma poderosa de reforçar sua mensagem ou argumento. Procure maneiras interessantes de passar os dados estatísticos para seu interlocutor.

Você usa voz ativa?

Voz ativa coloca você no centro da ação. É mais clara e mais impressionante. Perceba a diferença: “A crise foi resolvida por mim hoje mais cedo, quando uma solução me ocorreu”, e “Eu resolvi a crise com uma solução que criei”.

Usa jargão?

Existem certas expressões que próprias do ambiente onde você convive. Elas simplificam as coisas e o entendimento. Use-as! Contudo, tenha em mente que o uso de jargões pode isolar quem não os conhece.

Você usa clichês?

Clichê não causa impacto. As pessoas já os conhecem. Ao contrário, o uso de clichês desliga a atenção do interlocutor. Pode até servir de motivo de piadas pelas costas.

Você é prolixo?

Fala ou escreve muito para transmitir sua mensagem? Você pode estar sendo enfadonho. Seus e-mail e suas falas devem ser claras, precisas e concisas. Quando perceber que está sendo longo, corte. Reduza o tamanho e o tempo.

Ou você é muito sucinto?

Nem tanto ao mar, nem tanto à terra. Ser prolixo não é bom. Ser sucinto, também não. Principalmente, quando estiver tratando com clientes, com novos funcionários ou com pessoas mais velhas. Escreva  ou fale sentenças completas. Use as formas de tratamento adequadas.

Você dedica parte de seu tempo para conhecer com quem se conecta?

Antes de falar ou de escrever, procure saber com quem você vai se comunicar. Dedique um tempo a conhecer seus interlocutores. Isto é um fator crítico para uma boa comunicação.

Você mantém contato regularmente?

É embaraçoso pedir a alguém que você conhece, mas não fala há bom tempo, que lhe consiga um convite para um evento ou que lhe apresente a outra pessoa que você tem interesse. Portanto, procure manter contato regularmente. Inclusive nas mídias sociais.

Conclusão

Uma boa capacidade de comunicação vai lhe ajudar na progressão de sua carreira. Procure se especializar. Faça cursos para compensar suas deficiências.

Autor: Ronaldo Lundgren

Possui graduação pela Academia Militar das Agulhas Negras; é Mestre em Estudos Estratégicos pelo US Army War College; e Doutor em Ciências Militares pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército.

Deixe uma resposta