Liderança sob um enfoque japonês [a Teoria PM]

Share

Liderança sob um enfoque japonês

Liderança sob um enfoque japonês

O que é liderança? Quais são as habilidades exigidas dos líderes?

A liderança é uma habilidade essencial para o sucesso na sociedade. É útil não apenas para pessoas de nível superior, mas também em várias situações onde você trabalha.

Embora muitas pessoas reconheçam a importância da liderança, elas não têm uma compreensão clara do que de fato é.

Definiremos e explicaremos o significado e o propósito da liderança necessários para se tornar um líder.

Também apresentaremos os pontos e ações específicas para que você possa adquirir as habilidades que pode utilizar imediatamente em seu trabalho diário.

O que é liderança?

Liderança são as qualidades e habilidades de um líder que dirige uma organização.

Além disso, quando a liderança é traduzida para o japonês, significa condução e orientação.

A etimologia da liderança é a palavra em inglês antigo “lædan” (leader), que significa criar ou guiar algo.

Para alcançar resultados em uma organização com várias pessoas, o poder dos seus integrantes, não dos líderes, é indispensável.

Os líderes precisam ser um modelo para as ações dos liderados e ter um impacto positivo sobre eles para agirem por conta própria.

Em outras palavras,

liderança significa a atitude que orienta uma organização ou grupo.

Como é diferente da gestão?

Os termos liderança e gestão costumam ser confundidos. Liderança e gestão diferem em três funções:

  • Fonte de influência;
  • Perspectiva comportamental; e
  • Nível de gerenciamento

Em primeiro lugar, a fonte de influência dos líderes é a “autoridade” como desejo humano da sociedade. Para os gerentes, por outro lado, a “posição e o poder internos” são a fonte de influência.

Líderes e gerentes têm perspectivas diferentes.

Os líderes pensam sobre as coisas a partir de uma perspectiva futura, como o que os membros e equipes devem fazer. Mas no caso dos gerentes, eles olham para os problemas que estão ocorrendo, como os números e as questões descritas no plano de negócios .

No nível gerencial, o líder é aquele que puxa os membros em direção aos objetivos da equipe. Por sua vez, o gerente é aquele que corrige o comportamento do líder.

O Dr. C. Otto Shermer, do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, observa a diferença entre um líder e um gerente:

“Gerenciamento é fazer as coisas”, enquanto “liderança é criar e nutrir um espaço maior de atividades – enriquecendo um terreno comum.” “U Theory (2ª edição)” C. Otto Shermer

Liderança é o poder de liderar uma equipe, e a gestão dirige essa liderança.

Como você pode ver, liderança e gerenciamento diferem de muitas maneiras, incluindo as habilidades, influências e perspectivas necessárias.

O que é a teoria PM?

Para obter uma compreensão mais profunda da composição da liderança, vamos conhecer a teoria Performance-Maintenance (PM), de Juji Misumi.

De acordo com a teoria PM, existem dois tipos de liderança:

  • Função de realização de meta (função de desempenho)
  • Função de manutenção de grupo

Os conceitos de liderança orientada para desempenho e manutenção foram derivados de ideias sobre as funções básicas que a liderança deve cumprir em todos os ambientes sociais.

A função de “desempenho” é a liderança que os seguidores experimentam como sendo diretamente orientada para a formação e alcance das metas do grupo.

Por seu lado, a função de “manutenção” envolve a liderança direcionada para a preservação da estabilidade social do grupo.

Esses conceitos de liderança estão intimamente ligados à teoria psicológica social básica desenvolvida nos EUA e na Europa. Estudos realizados nos EUA por Lewin, Lippitt e White (1939) propuseram os estilos de liderança Autocrático, Democrático e Liberal (laissez-faire).

No Japão, quando estudos semelhantes foram aplicados, constatou-se que os conceitos “democrático, autocrático e laissez-faire” são carregados de valores politicamente significativos, sendo difíceis de trabalhar e comunicar para as pessoas.

Por sua vez, ao mudar para os conceitos de DESEMPENHO e MANUTENÇÃO DO GRUPO o entendimento por parte dos líderes se torna mais fácil e mais amplo.

Função de desempenho

A função de cumprimento de metas é uma função para aumentar a produtividade da organização para atingir a meta. Geralmente, esta função é executada por um Planejamento centralizado, associado a uma Pressão para que este plano seja executado pelos funcionários.

PLANEJAMENTO E PRESSÃO

O líder está focado em bater a meta. Para isso, ele pressiona e exige resultado dos funcionários constantemente.

O Fator de Pressão reflete as instruções e ordens dadas pelo líder. Ele costuma causar certa resistência psicológica nos subordinados. O comportamento de Pressão funciona para promover o desempenho durante os estágios iniciais.

A liderança P aparenta ser a maneira mais eficaz (no curto prazo) de fazer com que os sujeitos com baixa motivação façam um trabalho monótono.

Os subordinados continuarão a trabalhar com uma certa resistência psicológica causada pelo Fator de Pressão. No entanto, uma vez que a resistência excede um certo nível, torna-se difícil fazê-los trabalhar sob a pressão do líder. Isso leva a um declínio drástico no poder de influência do líder.

Para contrariar essa situação e maximizar a influência do comportamento de liderança, a resistência psicológica causada pelo Fator de Pressão precisa ser reduzida ao máximo. Esta é a função que se espera que o comportamento de liderança Manutenção cumpra.

A interação de P com M faz com que o componente de pressão passe por uma mudança qualitativa de uma forte pressão externa para uma força motivacional.

Função de manutenção do grupo

A função de manutenção do grupo busca aumentar o moral dos membros a fim de melhorar a coesão da organização. Refere-se a ampliar o trabalho em equipe para atingir os objetivos.

O líder demonstra preocupação com os subordinados. Procura conhecer suas opiniões e se engaja para solucionar os problemas da equipe.

Em resumo, a liderança P causa resistência psicológica nos seguidores, mas isso pode ser melhorado e aliviado pela aplicação apropriada do comportamento M.

Considerações finais

A teoria do PM sugere que um líder que tem uma função de realização de metas (função de desempenho) e uma função de manutenção de grupo (função de manutenção) e que aumenta o moral e a produtividade dos membros da equipe para atingir a meta é o ideal.

Para demonstrar liderança, é necessário que a empresa tenha uma visão clara e estabeleça metas com os olhos no futuro.

Como líder, aja como modelo para sua organização. Vamos tomar a iniciativa de incorporar o que a equipe almeja, como ações diárias e formas de pensar.

Referência(s)

O que é a teoria PM – PM理論とは?理論とリーダー育成における活用場面をわかりやすく解説|コラム|人材育成・社員研修

Jyuji Misum – The Development in Japan of the Performance- Maintenance (PM) Theory of Leadership – Journal of Social Issues, Vol. 51, No. 1. 1995, pp. 213-228

Autor: Ronaldo Lundgren

Possui graduação pela Academia Militar das Agulhas Negras; é Mestre em Estudos Estratégicos pelo US Army War College; e Doutor em Ciências Militares pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército.

Deixe uma resposta