Por que a empatia é a habilidade de liderança mais eficaz?

Share

por Ming Chan.(*)

empatia é a habilidade de liderança mais eficaz

Por que a empatia é a habilidade de liderança mais eficaz?

Se aprendi alguma coisa desde o início da minha própria empresa, é que o empreendedorismo começa com o desejo de um indivíduo de resolver um problema ou problemas.

Mas à medida que a empresa cresce, também é preciso crescer muito mais do que apenas um empreendedor.

Para ter sucesso como empresa, aprendi que é menos sobre sua necessidade ou desejo individual, mas mais sobre como se cercar de pessoas talentosas e juntas, como uma tribo, trabalhando em direção a algo que de outra forma não poderia ser alcançado individualmente.

É provavelmente por isso que o autor e especialista em liderança Tom Peters disse: “Os líderes não criam seguidores, eles criam mais líderes.”

Mais do que nunca, com o número de startups e oportunidades disponíveis para essa geração, um líder efetivo percebe que precisa cercar-se não apenas de pessoas que trabalham para eles, mas também de colegas, conselheiros e mentores para obter sucesso.

É precisamente por isso que me uno às organizações de pares: para facilitar e construir uma comunidade dos melhores e mais brilhantes fundadores e empreendedores de startups.

Ao trabalhar com essas comunidades, aprendi os muitos benefícios de líderes atuando como mentores de outros líderes, resultando em melhores negócios que, por sua vez, ajudam a criar uma sociedade melhor para todos.

Mentoria espalha empatia

Discussões sobre empatia nos negócios podem parecer modernas, mas isso não significa que a empatia não seja importante.

Na verdade, a empatia é a habilidade número um que qualquer líder eficaz precisa para realmente inspirar as pessoas que trabalham com elas.

Uma das melhores ferramentas de liderança de um mentor é sua empatia, o que lhes dá a capacidade de entender e se conectar com outros líderes.

Essas qualidades empáticas são então transmitidas, construindo líderes que não estão divorciados das necessidades e das pessoas ao seu redor.

Para promover uma nova geração de líderes e, no processo, construir uma comunidade próspera e um senso de propósito em torno dela, o primeiro passo deve ser sempre desenvolver um senso de empatia. Isso, por sua vez, motiva-os a se tornarem os catalisadores da mudança como líderes, pioneiros e pioneiros do amanhã.

Mentoria cria impacto social

Como Malcolm Gladwell apontou em The Tipping Point, para que qualquer ideia crie verdadeiro impacto social, ela deve atingir o ponto de inflexão quando cruzar um limiar e se espalhar como um incêndio.

Os líderes podem ajudar outros líderes a alcançar esse ponto de inflexão. Pode ser fácil para os CEOs iniciantes ficarem presos no ciclo de construção de um negócio sem um propósito verdadeiro, mas os líderes experientes sabem que o sucesso real vem da construção de algo que mudará a vida das pessoas.

Em primeiro lugar, um negócio só é bem-sucedido se fornecer um produto ou serviço que não apenas solucione um problema para os usuários, mas também os inspire a fazer mais do que a ideia foi projetada para fazer.

Ao reforçar uma mensagem orientada por objetivos, os CEOs experientes influenciam a nova geração de empreendedores e líderes empresariais, ajudando-os a entender que as ideias que realmente impactam as pessoas emocionalmente são aquelas que criarão um verdadeiro impacto social.

Mentoria promove tecnologia para o bem

Como as tecnologias continuam a evoluir rapidamente, essa nova geração de líderes empresariais não é apenas conhecedora de tecnologia, mas está aproveitando a tecnologia emergente de maneiras que nunca foram consideradas possíveis.

É por isso que é importante criar comunidades onde os CEOs possam debater e aprender com os mentores sobre a melhor forma de usar essas tecnologias para o bem de todos.

As organizações já estão fazendo muito para criar fóruns e ferramentas para que os empreendedores possam aplicar a tecnologia de maneira mais criteriosa.

A conversa contínua entre esses líderes é encorajadora e ajuda a propagar a ideia de que o mundo continuará a melhorar quando as tecnologias forem usadas apropriadamente para melhorar todas as nossas vidas.

Uma comunidade de líderes pode afetar a mudança

A nova geração de fundadores e empreendedores é extremamente inteligente e engenhosa. Eles têm acesso fácil a centenas de recursos on-line gratuitos para ajudar em suas startups e sabem como encontrá-los.

Mas eles também acreditam que suas necessidades e desafios são únicos e, o mais importante, oportunos e urgentes.

É por isso que promover uma comunidade entre os CEOs – seja por meio de plataformas digitais, redes sociais ou reuniões e eventos físicos – é tão importante.

Ele cumpre uma necessidade crucial para os empreendedores que buscam um envolvimento mais profundo com outros que estão tendo os mesmos desafios e aqueles que superaram com sucesso esses desafios.

Referência(s)

(*) Ming Chan – Why Empathy is the Most Effective Leadership Skill

Autor: Ronaldo Lundgren

Possui graduação pela Academia Militar das Agulhas Negras; é Mestre em Estudos Estratégicos pelo US Army War College; e Doutor em Ciências Militares pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército.

Deixe uma resposta